Corrida com cães

Em 14/nov/2020 assisti uma palestra excelente do veterinário Mestre e Doutor Fernando Bretas sobre condicionamento físico para cães, mediada pelo veterinário, criador e juiz Claudio Rossi e promovida pela CBKC.

A corrida de rua é uma das atividades físicas mais praticadas em todo o mundo. É simples, fácil e pode ser praticada por qualquer pessoa, em qualquer idade! Mas não podemos deixar de realizar a avaliação médica e procurar um profissional de educação física, afinal, saúde em primeiro lugar!

Corrida

E que tal correr junto com nossos companheiros de 4 patas? Melhor ainda, não é mesmo!

A atividade física é ótima para os cães, para a saúde e bem estar, além de ser muito boa para as exposições de beleza!

Mas assim como nos humanos, eles também precisam de uma avaliação com o veterinário antes de iniciar uma atividade física. Imagine uma displasia coxofemoral escondida ou uma cardiopatia ainda não detectada, ao invés de melhorar a saúde dos nossos amigos, podemos piorá-la!

Outro fato importante que vi na palestra é a que literatura não é muito grande quando se fala em condicionamento físico, portanto, aliar a nossa observação do comportamento do cão durante o exercício é fundamental! Assim aprenderemos sobre a intensidade e duração dos treinos na prática, junto com nossos cães.

Porte e Raça

É muito importante não desprezar as funções de cada raça antes de sair para a corrida. Não será uma atividade prazerosa para um cão de companhia ou para aqueles que não tem aptidão, como os dachshunds (salsichinhas! será estressante para a coluna deles) e os braquicefálicos (aqueles de focinho curto como os buldogues e pugs, por exemplo, que terão dificuldade de respiração).

Já o porte pequeno, médio é grande, é fácil de perceber que o tamanho das pernas deles influenciará demais no tamanho da passada e em como eles vão nos acompanhar! Não da para correr com o nosso salsichinha, o que para nós humanos pode ser um trote, para eles será uma corrida no máximo esforço como se fosse uma corrida de 100m rasos, e, é claro que fará mal para ele. Mas no outro extremo, um ser humano em trote ou em caminhada rápida, para um Dog Alemão adulto não representará o mínimo esforço para ele.

A grande dica aqui é escolher a atividade certa para a raça certa… em última instância, até mesmo influenciar na escolha de um filhote. Todos eles são capazes, dentro de suas limitações claro! Cães menores, caminhada, cães maiores, uma corrida.

Claramente visível a diferença de esforço entre o pequeno na frente e o que vem logo atrás
Da para imaginar o tamanho dessa passada??

Frequência

E quantas vezes podemos praticar a corrida com eles? Todos nós precisamos de descansos e tamanho desse descanso esta diretamente ligado a atual condição física (iniciantes ou avançados), e intensidade da atividade feita: uma corrida leve ou forte, subidas ou planos.

Mas no geral podemos dizer que treinos leves podem ser feitos dia sim e dia não. Pensando que passamos por todo o período de adaptação e já estamos em regime, falo de uma corrida de 5km a uma velocidade entre 8 a 10km/h (ou pace entre 7:30 a 6:00min)

Intensidade

A intensidade dos treinos esta totalmente ligada ao porte e a raça. De maneira geral, o ato de caminhar dos cães não se transforma em atividade física. Eles podem caminhar enormes distâncias sem se cansarem. Eu caminhando (o ser humano caminha entre 4-5km/h) junto com as minhas ovelheiras, elas sequer vão cansar!

Neste porte, eles precisam de uma velocidade a partir de 8km/h para que possam ter benefícios. O meu trotinho será uma caminhada rápida para elas. Perceberam a semelhança com os humanos? Precisamos de uma caminha rápida para termos benefícios, acelerar o batimento cardíaco, suar e repor o líquidos e sais perdidos.

Duração

A duração da atividade física se relaciona com a intensidade. Uma atividade de intensidade alta deve ter uma duração curta, enquanto uma mais leve pode ser mais longa.

Caminhada

O importante é observar o nível de cansaço do cão! Claro que ele vai mudar ao longo do treinamento, mas quando a boca estiver super aberta a lingua toda para fora, de lado… é um sinal super claro que o cão já está no seu limite!!! hora de parar e descansar.

Meus treinos serão de 30 a 35min, aumentando a intensidade (mais abaixo montarei uma planilha de treino).

Coxins

Já pensou em correr 5km descalço na rua/asfalto as 10h00 da manhã? Difícil né! Então vamos cuidar das patas dos nossos amigos peludos. O asfalto é muito quente e abrasivo, vai machucar os coxins (as almofadinhas das patas). Idealmente procurar terrenos melhores para eles como grama e areia, ou em última instância, usar a calçada que é bem menos quente que o asfalto.

Em Campinas, temos uma ótima pista de terra na Praça da Paz – Unicamp, com subidas e descidas!

Se quiser investir um pouco, que tal uns sapatinhos de corrida para o cão? Pode procurar que tem sim, e até específico para corrida!!

sapatos antiderrapantes para cães

Planilha de treino

Aprendi na palestra que podemos iniciar os treinos usando um 1km a 8km/h (sem esquecer de uma aquecimento de uns 5 a 10 minutos, caminhando ou brincando), cerca de 4x por semana. Aumentar de 5 a 15% a distância, de tal forma que após 5 a 6 semanas aumentamos 1km. Vou seguir essa métrica ate chegar aos 5km.

Se ficarmos sem treinar seguiremos a mesma métrica, ou seja, diminuir de 5 a 15% da distância para cada semana perdida.

Um comentário em “Corrida com cães

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: